domingo, 22 de setembro de 2013

Menina dos olhos d'água.

E ela olhou pela janela,viu todos os seus sonhos saindo em marcha.Decidiu sentar-se a beira da cama e pensar, talvez houvesse uma resposta pros sonhos que vão embora .
O que agora faria se não tenho dos sonhos a companhia?
Ah! vou tecer nova colcha de retalhos quem sabe isto me ajudaria,pensou ela.
Vou colocar,novos sonhos, bordar alegrias,enfeitar de boas lembranças  e claro enfeitar de lírios.
E a menina pensou ,pensou ,pensou...
Decidiu levantar sair pra caminhar , novas idéias  encontrar.
Sentou-se á sombra de uma arvore,adormeceu descansou seu coração,deu a vida razão.
Levantando se pôs a caminho de casa novamente,enquanto caminhava sentiu paz ,leveza,tranquilidade,teve vontade de sorrir.
Voltou pra sua janela  e viu pouco a pouco seus sonhos retornando como um raio de sol que passa pela janela.
Descobrir a capacidade de sonhar em meio ao sofrimento  nos tornar  capaz de ver a vida com olhos d'água.
Olhos serenos,verdadeiros,transparente.
Essa menina mora aqui perto ela se esconde entre uma

lágrima e outra mas sempre dá um jeitinho de aparecer  pra me ensinar o quanto é bom não perder  de vista o caminho que se quer chegar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário